domingo, 2 de abril de 2017

A minha opinião sobre Logan - Crítica

Sinopse: Em 2029, Logan (Hugh Jackman) ganha a vida como chofer de limousine para cuidar do nonagenário Charles Xavier (Patrick Stewart). Debilitado fisicamente e esgotado emocionalmente, ele é procurado por Gabriela (Elizabeth Rodriguez), uma mexicana que precisa da ajuda do X-Men para defender a pequena Laura Kinney / X-23 (Dafne Keen). Ao mesmo tempo em que se recusa a voltar à ativa, Logan é perseguido pelo mercenário Donald Pierce (Boyd Holbrook), interessado na menina.

O filme se passa em 2029, um ano em que os únicos X-Men que ainda restam são Logan e Professor Xavier. É notável logo de cara que Logan sente o peso da idade e a velhice. Sua regeneração está fraca e já não entra tanto em ação como no passado e nem tem mais aquela disposição. Ele quer apenas continuar sua vida como um cidadão normal, e até arranja um emprego de motorista de limousine para pagar os remédios do Professor Xavier, que já perde a sanidade quando não toma remédios e não recebe cuidados. Para isso ele recebe a ajuda de Caliban, um mutante do lugar onde eles moram.


Durante um dia, Logan é abordado por Gabriela que pede sua ajuda, mas ele nega e vai embora. Depois disso, Donald Pierce entra no carro de Logan e começa a interrogá-lo sobre Gabriela. Ele também diz que Logan agora se tornou um viciado e nunca mais será o mesmo. Irritado, ele manda o indivíduo sair do carro. Curioso, Logan vai até onde Gabriela mora e conhece Laura Kinney, a mutante que Xavier acreditava que se comunicava com ele.

Logan, Xavier e Laura viajam por diversos lugares, fazendo quem assiste se sentir mais próximo dos personagens. Laura não fala muito, mas com suas linguagens faciais é fácil decifrar o que ela quer dizer. Ela também está numa frase de descobrimento do mundo, tanto que faz coisas que Logan tem que corrigir o que dá um aspecto mais familiar, de pai para filha nessas cenas.


O filme muda de emoções como ação, tristeza e preocupação, o que o torna excelente. Podemos até dar risadas com cenas entre Professor Xavier e Logan e até da X-23. Impossível você não se emocionar ou se sentir tocado por pelo menos uma cena do filme. Há cenas violentas também, tanto que o filme é recomendado para maiores de 16.

E para finalizar, o final foi digno e para mim o mais emocionante de tudo. Saí do cinema com outra perspectiva sobre a franquia X-Men. Com certeza um dos 3 melhores filmes de super herói que já assisti.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...